Como ter um site? 3 passos básicos para sua empresa ter um


Como ter um site

Você sabe tudo que envolve a criação de um site? Separamos alguns itens básicos pra quem não sabe por onde começar

Se sua empresa quer fazer parte do hall de negócios que possuem um site na internet e geram negócios online, é preciso conhecer alguns princípios básicos.

No inicio da internet, as empresas utilizavam seus websites como “cartão de visita”. A maioria dos negócios não levava a sério a criação de um site, independente do porte da empresa, o interesse era apenas ter um.

Atualmente, esse pensamento mudou. Podemos dizer que é impossível existir um negócio de sucesso que não possua um website bem planejado. Contudo, com o aumento do número de usuários online e as ferramentas de busca como o Google tornaram os sites mais que um “cartão de visita”, hoje eles são vistos como ferramentas para gerar negócios.

Essas mudanças fizeram com que o fato de ter um site fosse fundamental para qualquer negócio. Mesmo uma pequena empresa dificilmente sobrevivera sem um site. E diferente do que muitos empreendedores pensam, quando falamos de retorno sobre o investimento (ROI), o desenvolvimento de um site é o melhor investimento em marketing que uma pequena empresa pode fazer.

É importante entender que, iniciar o projeto de um website para uma grande empresa ou uma pequena empresa começa da mesma forma. A única diferença está no orçamento disponível para o projeto. Isso quer dizer que sua empresa pode planejar um site robusto ou um site enxuto capaz de atender suas necessidades.

Por isso, vamos pontuar o que sua empresa deve considerar para ter um site, independente do orçamento disponível:

Domínio

O primeiro passo para sua empresa ter um website é definir qual será seu endereço eletrônico, ou seja, www.nomeescolhido.com.br e suas variações. Porém, nem sempre será possível conseguir exatamente o nome da sua empresa ou o nome escolhido como domínio. Por se tratar de um dado que não pode se repetir, assim como um telefone, existirá apenas um domínio para cada site.

Para verificar se será possível adquirir o domínio escolhido, basta entrar no site Registro.br e pesquisar se o domínio que deseja está disponível, caso não esteja, o próprio site faz sugestões de variações que estão disponíveis e podem ser usadas.

Após decidir qual será seu endereço eletrônico é hora de adquirir o direito de uso do domínio, seguem os valores atuais:

Tabela de preços para registro de domínio

Hospedagem

Após definir seu domínio e adquiri o direito sobre o endereço eletrônico, você vai precisar hospeda-lo em um servidor. Essa hospedagem serve para que você possa armazenar os arquivos dos conteúdos que pretende disponibilizar na página da sua empresa, assim como uma loja precisa de um espaço físico para armazenar seus produtos e receber seus clientes um site precisa de um servidor de hospedagem.

Os custos de uma hospedagem dependem de diversos fatores. Existem hospedagens grátis, porém não recomendadas, hospedagens com custo abaixo de R$ 6,00/mês e hospedagens mais robustas, que multiplicam esse valor em 100 vezes ou mais.

Aqui o importante é importante planejamento, se sua empresa pretende construir um site simples e não utilizar emails, às hospedagens com custos reduzidos pode atender de maneira satisfatória. Mas, se a intenção é criar um site com varias páginas, com velocidade de carregamento satisfatória, boa capacidade para geração de negócios e utilizar emails corporativos como financeiro@seudominio.com.br, contábil@seudominio.com.br entre outros, o ideal é buscar uma hospedagem mais robusta, que partem de R$50,00/mês.

Plataforma

Após adquirir seu domínio e definir onde hospeda-lo, é o hora de construir seu site. Atualmente, existem diversas plataformas para construir sites. Algumas empresas possuem construtores de sites intuitivos que com o mínimo de conhecimento uma pessoa pode montar seu site a um custo bem reduzido. Talvez o mais conhecido seja o Wix. Um criador de sites com custo bem atrativo, com somente R$ 6,00/mês você pode hospedar seu site e ainda ter acesso ao criador de sites da plataforma.

Porém, sites feitos em plataformas como o Wix acabam limitando muito a capacidade de desempenho e layout do seu site. Essas ferramentas disponibilizam layouts pré formatados para você apenas preencher com seus conteúdos, sem a possibilidade de realmente transparecer sua marca, com poucas possibilidade de otimização de conversão e técnicas para que seu site apareça nos mecanismos de busca, ou seja, quando uma pessoa pesquisar no Google sobre seu negócio as chances de seu site aparecer nos resultados de busca são mínimas.

Aqui na WeBrain nós não indicamos essas plataformas. Para que seus clientes cheguem até sua empresa, será necessário grandes investimentos em Marketing Digital. E, além disso, a experiência que esse tipo de site trás para usuário em grande parte das vezes pode ser bem desagradável. Com lentidão e funcionamento pouco intuitivo, as pessoas ficarão frustradas e as chances de converter as visitas em contatos comerciais serão mínimas.

A plataforma mais utilizada no mundo

Atualmente, utilizada em 34% dos sites no mundo, a plataforma mais usada é a WordPress. A plataforma WordPress depende de conhecimento mais avançado em programação e gerenciamento de sites. Porém, se o que sua empresa quer é um site que traga uma experiência satisfatória para seus cliente e que possua alta capacidade de converter seus visitantes em negócios, esta é uma boa opção.

O WordPress é um CMS (Content Management System) que possibilita a criação de sites para qualquer porte de empresas ou segmento. Podendo atender da pequena empresa á grandes corporações, os custos para criar um site nessa plataforma são variados. Tudo vai depender da empresa ou profissional responsável pelo desenvolvimento.

A dica aqui é procurar profissionais qualificados, avalie o valor do website como se fosse a sede ou o ponto comercial de sua empresa. Investir em uma plataforma barata vai tornar a sua experiência e a experiência de seus clientes frustrantes.

Concluindo

Qualquer empresa hoje em dia pode ter um site, porém é importante avaliar quais serão os objetivos da empresa com o site. Uma empresa que decide criar seu site utilizando a hospedagem e plataforma mais barata não pode reclamar do desempenho do mesmo perante um concorrente que investiu no que tem de melhor no mercado.

Está em dúvida qual caminho seguir e precisa de um apoio para iniciar seu projeto? Conte com a WeBrain, somos especialistas no assunto e podemos auxiliar você em suas escolhas e na execução do projeto.


Você também pode gostar de ler:

Técnicas para aumentar as vendas

5 técnicas para aumentar as vendas e alcançar suas metas

Web Analytics

Web Analytics: entenda o que é e como utilizar de forma eficiente

O que é Branding

O que é Branding e como utilizar essa estratégia de Marketing