Newsletter

Cadastre-se para receber dicas de Marketing Digital

Aplicação de SEO em plataformas além do Google


Aplicação de SEO

Sim! Existe vida além do Google. Vem conferir algumas das outras possibilidades de otimização de SEO

Ao pensar em SEO, imediatamente é feita uma conexão com o Google. Isso é natural, afinal a gigante de tecnologia praticamente domina o mercado de busca na internet mundial. Porém, apesar disso, a aplicação de SEO para as empresas se estende além disso. Confira algumas das principais.

SEO para aplicativos

A aplicação de SEO para aplicativos é um complemento fundamental ao ASO. Para quem não sabe, App Store Optimization é uma forma de ajudar um app a ser encontrado nas lojas. Isso é essencial dado o altíssimo número de opções disponíveis. Mas o que acontece com as pesquisas que ocorrem fora do app?

É importante ter esta preocupação em mente, pois o SEO para apps é um pouco diferente da opção para sites ou pesquisas normais. É importante se atentar a informações como o metadados, as avaliações do app, a criação de backlinks e diversas características que são importantes para as lojas diferentes.

Outros motores de busca

Apesar de o Google ter uma grande fatia do mercado, ainda existem outros motores de busca poderosos com o Bing e o Yahoo. Pode ser que uma aplicação de SEO para estas opções valha a pena para o seu negócio. Só é preciso saber se o público de fato está lá. Isso pode ser feito com uma pesquisa ou analisando o histórico do usuário através de ferramentas de Web Analytics, por exemplo.

Por outro lado, a Amazon é a líder de pesquisas no mundo, quando o assunto são produtos. Ou seja, quando a maioria das pessoas precisa procurar por um produto específico, elas vão a maior loja do mundo. Se você parar para pensar um pouco na sua experiência, vai perceber que seu comportamento é parecido.

Portanto, uma aplicação de SEO interessante é para as lojas ou marketplaces nos quais um determinado e-commerce ou produto se encontram. É um ponto que deve ser considerado.

Para muitos profissionais, especialmente no mercado americano em que a Amazon é muito forte, ranquear bem nesta loja é mais difícil do que no próprio Google.

Baixar E-book: Análise de Dados com o Google Analytics

Aprenda a mensurar e enxergar oportunidades com o Marketing Digital!

E-book: Análise de Dados com o Google Analytics

DuckDuckGo

É possível que você já tenha ouvido falar no DuckDuckGo. Essa alternativa tem ganhado cada vez mais força no mercado.

O principal problema do Google, atualmente, é a questão da privacidade. Junto com o Facebook, essas empresas são cobradas por esta questão e por “vigiar” os usuários praticamente o tempo todo. O DDG segue o caminho oposto. Ele afirma que seu motor de busca não tem nenhuma forma de acompanhar ou de trazer anúncios “targeteados” para o usuário. O que isso significa?

Por enquanto, pouca coisa. A diferença no volume de pesquisas é descomunal. Para dar uma noção, o DDG teve 6 bilhões de pesquisas em 2017. Parece muita coisa, não é? O Google, tem 3,5 bilhões de pesquisas por dia. São categorias completamente diferentes.

Mas é preciso ficar muito atento a popularidade deste motor de busca. Se a opinião do público mudar e ele se tornar mais popular, a aplicação de SEO para o DuckDuckGo passa a ser ainda mais importante.

A aplicação de SEO fora do guarda-chuva do Google pode valer a pena, e certamente deve ser investigada, dependendo do seu caso. Para quem tem aplicativos, vende produtos em certas plataformas ou tem usuários com números significativos em outros motores de busca, essa opção é ainda mais importante.

E no seu caso? Acha que vale a pena fazer uma aplicação de SEO fora do Google? Deixe o seu comentário abaixo com a resposta! E não esqueça de assinar a nossa newsletter para ficar por dentro de todas as novidades do marketing digital!


Você também pode gostar de ler:

Erros de SEO

Oito erros de SEO simples que estão matando seu Marketing de Conteúdo

Qual é a diferença de Inbound e Outbound Marketing? 3 dicas simples

Como fazer minha loja virtual vender mais

Como fazer minha loja virtual vender mais: 12 dicas de sucesso